30 de jan de 2011

Pular Corda?!?


Será brincadeira de criança ? 
Humm... nada disso! 
Experimente esse magnífico exercício aeróbio !

  
 Pular Corda é um dos mais eficientes exercícios aeróbios praticados na atualidade e além disso, é super barato, divertido, eficaz e o mais incrível... você vê os resultados em pouquíssimo tempo!
   Pular corda é um exercício simples de circular uma corda em torno de si, ou seja, por baixo dos pés passando pela cabeça, sem que se toque nela. Essa atividade está virando uma grande mania pra todo lado e principalmente nas melhores academias do país. Ela pode ser praticada na sala de musculação, em aulas coletivas, geralmente, chamadas de Rope Class ou Power Jumping Class (combinando aquecimento-movimentos simples de manejo da corda, alongamentos, parte aeróbica-saltos e saltitos, localizada (abdominais, agachamentos, etc...) e resfriamento/alongamento) ou até mesmo em casa.
Quem NÃO deve praticar:
- Indivíduos que apresentam lesões de joelho ou em qualquer articulação dos membros inferiores, este é um esporte de impacto, previna-se;
- Pessoas que estejam muito acima do peso.
   Tais indivíduos sentirão um tremendo desconforto ao Pular Corda por aumentar bastante o impacto nas articulações, principalmente dos pés. Não é aconselhavel. 
Algumas Considerações :
- Antes de comprar sua corda mesça seu comprimento para adaptá-la a sua altura. Fique de pé e pise sobre ela. Ao extendê-la, as extremidades devem ficar abaixo das axilas(ou no meio do peito) dos dois lados.
- A primeira vez que pular corda, vá devagar... Tente pular baixinho, o suficiente para que a corda passe rapidamente por baixo dos pés, isso fará diminuir o impacto da atividade e o risco de adquirir lesões. Iniciantes tendem a pular muito alto ou exagerar nos movimentos de braços. Quando achar seu rítmo próprio, aumente as passadas. Pule e aterrize com o terço anterior dos pés(parte da frente), para evitar lesões. Não fique desencorajado com as dores iniciais no meio da sola dos pés, com o tempo tudo passa. Uma dica é ficar com as pernas estendidas no ar e flexionar os joelhos quando aterrizar; Mantenha os ombros relaxados e gire a corda com os punhos;
- Não espere que as primeiras sessões durem muito tempo. Pular corda é um exercício intenso e cansativo, principalmente para sedentários. Pule com intervalos de descanso. Pule de 1-2 minutos com 30 seg. de descanso.
Repita essa combinação ou crie a sua própria de acordo com a sua resistência e condicionamento individual, até poder ir aumentando o tempo sem descanso. Não deixe que fique tão ofegante que não possa conversar. De preferência use um frequencímetro ou mesça a Frequência Cardíaca durante e após a atividade;
- Tente Pular Corda em superfície macia; nunca pule no cimento, mármore ou asfalto sem um bom par de tênis para corrida. Experimente em tábua corrida, pisos emborrachados ou gramados. E quando estiver em locais fechados preste bem atenção no teto, para evitar acidentes.
- Lêmbre-se, pular corda é um exercício aeróbio e assim como outro qualquer desidrata com facilidade. Portanto, tenha a mão sempre uma garrafinha de água e se exercite em locais com boa ventilação.
- Não dê dois pulos em um só giro na corda. Concentre-se e se auto-discipline mantendo um equilíbrio de movimentos. Assim obterá melhores resultados no sistema cardiovascular e também na queima de calorias.
- O rítmo ideal para PULAR CORDA, deve ser de 125-175 revoluções por minuto (RPM) .
- É aconselhável, com excessão dos praticantes de Rope Class, complementar a atividade com exercícios para abdômen e região lombar.
Benefícios:
- É uma atividade de trabalho corporal total , fortalecendo grandes grupos musculares superiores e inferiores, embora priorize músculos da perna e glúteos;
- Geralmente, queima mais calorias e melhora a capacidade aeróbia que exercícios aeróbios convencionais como a corrida ou caminhada, por exemplo, protegendo contra doenças cardíacas;
- É eficaz tanto para o sistema aeróbio quanto anaeróbio, dependendo do nível do praticante e de como é utilizada;
- É um dos melhores exercícios para melhorar o condicionamento geral do corpo, agilidade, força vertical, equilíbrio e coordenação geral.
- Ótimo exercício de base para atividades que utilizam muito os pés, como: tênis, esqui, basquete, futebol, etc..
- Eficaz no tratamento da Celulite;
- Exercício fantástico no combate a osteosporose;
- Gasto Calórico: 500-800 kcal por hora - Calcule para seu peso
- Grupos musculares trabalhados:
· Pernas - panturrilhas e coxas
· Abdômen
· Peitoral
· Ombro
· Costa
· Braços
Acessórios:
- As melhores cordas são as feitas de plástico e vinil. Aquelas feitas de nylon, couro ou sisal são contra-indicadas por serem muito leves, podendo causar acidentes.
- Escolha um tênis apropriado que absorva o impacto da atividade.
Como Praticar - Variações:
- Leve:
· Pulo com os 2 pés:- ambos os pés saem do chão e aterrizam lentamente juntos, com uma oscilação da corda;
· Pulo com os pés alternados - Nessa técnica fazemos um "skipping" onde um pé vai para cima e para baixo enquanto ocorre uma oscilação da corda;
- Moderado:
· Pulo com os pés alternados - O mesmo da ténica do "skipping" acima, embora com maior velocidade;
· Passo Corrida - O trote é adicionado enquanto se pula e faz o "skipping" sobre a corda. Acontece com uma passada mais rápida e maior intensidade nos movimentos;
· Passo alto - Uma corrida em média intensidade misturada com elevação de joelhos a fim de aumentar mais ainda essa intensidade;
- Intenso:
· Passo cruzado - Durante a fase aérea do salto, cruza-se a perna de baixo e levemente aterriza-se com as pernas cruzadas;
· Passo lado a lado - Alterna-se a aterrizagem da direita para a esquerda. Muito cuidado nesse movimento pois a corda tende a não obedecer bem, sendo que a prática e o tempo é quem vão lhe estabilizar o movimento.

SUGESTÕES DE LINKS
United States Amateur Jump Rope Federation

Diferenças culturais




- No Líbano, os homens podem legalmente ter relações sexuais com animais, mas tem que ser fêmeas. Relações sexuais com machos são punidas com a morte.

- Em Bahrain, um médico pode legalmente examinar a genitália feminina, mas ele é proibido de olhar diretamente para ela durante o exame. Ele pode apenas olhar através de um espelho.

- Os muçulmanos não podem olhar os genitais de um cadáver. Isto também se aplica aos funcionários da funerária. Os órgãos sexuais do defunto devem estar sempre cobertos por um tijolo ou por um pedaço de madeira. 

- A penalidade para a masturbação na Indonésia é a decapitação.

- Há homens em Guam cujo emprego em tempo integral é viajar pelo país e deflorar virgens, que os pagam pelo privilégio de ter sexo pela primeira vez. Razão: pelas leis de Guam, é proibido virgens se casarem.

- Em Hong Kong, uma mulher traída pode legalmente matar seu marido adúltero, mas deve fazê-lo apenas com suas mãos. Em contrapartida, a amante do marido pode ser morta de qualquer outra maneira.

- A lei autoriza vendedoras a ficarem de topless em Liverpool, Inglaterra, mas somente em lojas de peixes tropicais.

- Em Cali, na Colômbia, uma mulher só pode ter relações com seu marido e, na primeira vez que isso ocorre, sua mãe deve estar no quarto para testemunhar o ato.

- Em Santa Cruz, na Bolívia, é ilegal um homem ter relações com uma mulher e a filha dela ao mesmo tempo.

- Em Maryland, preservativos podem ser vendidos em máquinas somente "em lugares onde são vendidas bebidas alcoólicas para consumo no local".

29 de jan de 2011

Entomofagia - Comer insetos

 http://ourgeneralstore.typepad.com/photos/uncategorized/rotation_of_img_0051.JPG

Comer insetos

Há alguns dias, o Diário da Saúde publicou uma reportagem sobre os benefícios da criação de insetos para consumo humano, em relação à criação de bois e porcos.
Agora, um insectólogo holandês vem fazendo uma campanha para convencer o mundo ocidental a adotar um costume que, segundo ele, é bastante comum nos trópicos: comer insetos (prática conhecida como entomofagia) como fonte alternativa e sustentável de proteína.
A proposta de Arnold van Huis, detalhada em um artigo publicado na revista The Scientist, não é nova.
Em 1885, o insectólogo britânico Vincent M. Holt escreveu um pequeno livro intitulado Why not eat insects? (Por que não comer insetos?).
Evitar os transgênicos
Os argumentos dos dois especialistas ganham força num momento em que o mundo procura soluções para a crise dos alimentos.
Na Grã-Bretanha, um estudo sobre alimentos e o futuro da agricultura encomendado pelo governo e divulgado nesta semana pede ação urgente para evitar a fome global.
Segundo o relatório, dentro de 20 anos, serão necessários 40% mais alimentos, 30% mais água e 50% mais energia para suprir as necessidades da população do planeta.
O sistema atual de produção, além de não ser sustentável, não será capaz de suprir a demanda, argumentam os autores do estudo, realizado pelo centro de estudos Foresight.
Relatórios como esse tendem a ser usados como base para argumentos a favor do uso de técnicas de engenharia genética para produzir alimentos.
A saída oferecida por van Huis, da Wageningen University, na Holanda, é mais direta e evita a questão polêmica dos transgênicos.
Valor nutritivo dos insetos
Em entrevista à BBC Brasil, o insectólogo não quis recomendar um inseto em especial, dizendo que tudo depende da forma como são preparados.
Ele disse que algumas espécies têm sabor semelhante ao das oleaginosas (como o gergelim, por exemplo) e ressaltou que nem todas as espécies são comestíveis, já que algumas são venenosas.
"Insetos venenosos são consumidos nos trópicos, mas a população local sabe como lidar com isso, removendo o veneno", explicou.
Quanto ao seu valor nutritivo, a carne do inseto é comparável às tradicionais, como a de porco, vaca, carneiro e peixe.
Segundo van Huis, o conteúdo protéico de um inseto varia entre 30 e 70%, dependendo da espécie.
Eles também são ricos em ácidos graxos essenciais e vitaminas, especialmente as do complexo B.
Em seu artigo, o insectólogo diz que mais de mil espécies de insetos são comidas nos países tropicais, entre elas, larvas de borboleta, gafanhotos, besouros, formigas, abelhas, cupins e vespas.
Insetos comestíveis
E as baratas? Elas também são comestíveis?
Van Huis disse à BBC Brasil que, em suas viagens, nunca viu ou ouviu relatos de pessoas comendo baratas. Mas acrescentou:
"Um colega, que está fazendo um inventário de insetos comestíveis, encontrou baratas comestíveis".
Em seu artigo na revista The Scientist, Van Huis escreve, no entanto, que os ocidentais se enganam quando pensam que os povos dos trópicos comem insetos porque estão passando fome.
"Pelo contrário", ele diz. "Um petisco de inseto é com frequência considerado uma iguaria".
Este seria o caso, no Brasil, da formiga tanajura. Segundo especialistas brasileiros, essa formiga, fêmea ovada das saúvas, é considerada uma verdadeira guloseima no Brasil.
Alternativas à carne
Segundo o insectólogo, o consumo mundial de carne quase triplicou desde 1970 e deve dobrar até 2050.
Ele diz que 70% da terra cultivada já é usada para alimentar rebanhos. Van Huis diz que uma intensificação ainda maior na pecuária em escala industrial poderia aumentar os custos para o meio ambiente e para a saúde.
Criações de rebanhos de grande densidade favorecem o surgimento de doenças.
Rebanhos consomem grandes quantidades de água e emitem grandes quantidades de gases responsáveis pelo efeito estufa - como o gás metano, por exemplo.
Segundo a Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação (FAO), as criações de rebanhos respondem por 18% das emissões desses gases.
Cupins, baratas e certas espécies de besouro também produzem metano, mas a maioria dos insetos comestíveis, não.
E a carne de insetos ainda apresenta uma outra vantagem em relação à carne tradicional, explica van Huis.
"Eles convertem o alimento em massa corporal de maneira mais eficiente", diz o especialista. "Para produzir 1 kg de carne, grilos precisam de 1,7 kg de alimento. Muito menos do que o frango (2,2 kg), o porco (3,6 kg), o carneiro (6,3 kg) e a vaca (7,7 kg).
Portanto, por que não comer insetos? - ele pergunta.
E conclui seu artigo sugerindo que governos e empresas deveriam explorar o incrível potencial dos insetos como fonte de carne, promovendo essa indústria. "No sul da África", ele diz, "este já é um negócio de US$ 85 milhões".
Consumo de insetos pelo homem
Em declaração à BBC Brasil, o biólogo Eraldo Medeiros Costa Neto, da Universidade Estadual de Feira de Santana (UEFS), na Bahia, disse concordar positivamente com a proposta de van Huis.
"No entanto, muitas espécies de insetos apresentam compostos farmacologicamente ativos e, assim, os efeitos tóxicos potenciais dos insetos comestíveis precisam ser investigados com mais atenção", acrescentou.
Costa Neto explica que a FAO está realizando um inventário das atividades relacionadas ao consumo de insetos pelo homem.
"A FAO acredita que o papel específico dos insetos comestíveis e seu potencial na segurança alimentar, qualidade dietética e alívio da pobreza está severamente subestimado", diz o biólogo.
"Com esse inventário, será formulada uma estratégia para promover o consumo de insetos em nível mundial".
Pesquisas feitas por Costa Neto no Brasil revelaram que insetos fazem parte da dieta de vários grupos indígenas, comunidades urbanas, populações ribeirinhas do Amazonas, grupos de pastores e de pescadores e comunidades afro-brasileiras.
O cardápio desses grupos inclui pelo menos 135 tipos de insetos.

Fonte: http://www.diariodasaude.com.br/news.php?article=comer-carne-insetos-fonte-proteina&id=6142&nl=sit 


Entomofagia é definido como o consumo de insetos, aracnídeos e artrópodes em geral, como alimentos para humanos e animais. É um hábito alimentar amplamente utilizado em algumas culturas do mundo: América Central e do Sul, África, Ásia e Austrália, embora em alguns outros, é muito comum e é considerado um tabu.

Para muitos pode ser até assustador, para outros nojento, mas saibam que isso é um habito normal em vários lugares do mundo. Na Tailândia, por exemplo, nada melhor do que começar o dia comendo um bom prato de tarântulas ou grilos crocantes. Acho ruim? Acha que faz mal? Que nada!
 
Além de não fazer mal algum, muitos insetos podem ser tão nutritivos (alguns até saborosos) quanto vários outros bichos que colocamos no prato todos os dias, como vaca, frango, peixe, etc.
Os Chimpanzés, porcos-da-terra, ursos, toupeiras, musaranhos e morcegos são apenas alguns dos mamíferos, com exceção dos humanos, que tem os insetos com um dos principais alimentos da cadeia alimentar. Existem 1.417 espécies de insetos comestíveis e cerca de 3.000 grupos étnicos ao redor do mundo que atualmente praticam a entomofagia.

A maior parte desses insetos são comidos nos estágios de larvas e pupas, ainda que alguns sejam bons até a idade adulta. Encabeçando a lista dos mais comestíveis está o besouro, com 344 variedades. Formigas, abelhas e vespas estão logo atrás com 314. Borboletas, mariposas, gafanhotos e grilos são os outros competidores de peso.

A Ásia, como muitos sabem, é o principal continente do mundo que tem por opção esse tipo de alimentação tão exótica. Por lá as larvas de mariposas, grilos, pupas de mariposa, besouros e libélulas são comidos com muito gosto.

Os Chineses são apaixonados por grilos tostados como aperitivo ou cozidos no arroz. As larvas são adicionadas a sopas, cozidas ou servidas fritas. Os japoneses consideram a pupa do bicho-da-seda uma iguaria. Mas nenhum desses chega aos pés da barata d'água gigante. Essa criatura é a favorita na Ásia. Ela pode ser tostada e comida inteira ou moída em uma pasta para molhos.

Os africanos apreciam os grilos e os gafanhotos, mas misturam um pouco mais os sabores comendo cupins e lagartas também. Mas é só chegar nas Américas que a coisa fica muito mais extravagante, principalmente em alguns países da América do Sul.

Nesses países os menus são especialmente enriquecidos com escorpiões e tarântulas. As tarântulas são consideradas um pouco gordurosas, e para o autor do livro "Man Eating Bugs", Peter Menzel, tem um gosto parecido com frango. Ele cita no livro uma coisa bem engraçada em relação a esses aracnídeos tão temidos por tanta gente: "Se frangos não tivessem ossos, tivessem pelos em vez de penas e fossem do tamanho de um pardal recém-nascido, eles teriam o sabor parecido com o de tarântulas".

Top 15:
As 15 espécies de insetos comestíveis do mundo

Anoplura - piolhos
Orthoptera - gafanhotos, grilos e baratas
Hemiptera - qualquer inseto dessa espécie
Homoptera - cigarras e insetos da família Membracidae
Hymenoptera - abelhas, formigas e vespas
Diptera - moscas e mosquitos
Coleoptera - besouros
Lepidoptera - borboletas e traças
Megaloptera - Sialis lutaria e Corydalus cornutus
Odonata - libélulas e donzelinhas
Ephemetoptera - efeméridas
Trichoptera - moscas d'água
Plecoptera - moscas-de-pedra
Neuroptera - insetos das famílias Chrysopidae e Hemerobiidae e formigas-leão
Isoptera – cupins
http://3.bp.blogspot.com/_Z_c7w9gjzgE/SkLU4Bvu2fI/AAAAAAAAB4o/i4sJqqbhSvY/s400/990385.jpg 
Mas que vantagem teria em se comer insetos? Claro, se não tivesse, ninguém comeria. Fico pensando no que as dondocas viciadas em dietas farão depois de ler esta parte. A maior parte dos insetos são benéficos e fazem bem à saúde. Um bom exemplo soa os grilos, ingeridos principalmente nos países Asiáticos. 100 gramas de grilos contêm apenas 121 calorias, dessas 121, apenas 49,5 calorias provêm de gordura. O Valor nutricional de um amiguinho do Pinóquio fica em 12,9 gramas de proteína e nos 75,8 miligramas de ferro. Isso para se ter uma ideia.

Vale lembrar que se você estiver em uma situação de sobrevivência, os insetos podem salvar sua vida, pois proverão você das proteínas diárias necessárias até ser resgatado. Mas todo cuidado é pouco, por alguns deles podem ser tóxicos. O exercito ensina regrinhas básicas para escolher um inseto comestível infalível quando estiver em perigo: prefira bichos com coloração preto, verde e marrom e fique longe dos insetos vermelho, laranja e amarelo. Insetos com cores chamativas sempre serão sinônimos de animais tóxicos. Evite-os sempre!

E para os maluquinhos de plantão, lembrem-se que vivemos em cidade grande, e é comum as pessoas lançarem inseticidas por todo canto. Não vai saindo catando formiga ou barata no chão para comer por você acabara intoxicado pelos vermicidas. Depois não diga que não avisei! Quer comer insetos? Vai para Ásia!

Vale lembrar que comer insetos é um hábito antigo entre os seres humanos. Os asiáticos não foram os primeiros e não serão os últimos, pois já na pré-história os homens usavam ferramentas pontiagudas para capturar cupins e comer. Pode ser nojento para você, mas já salvou muita vida em muito lugar nesse planeta durante muitos anos.
 

Meditação e longevidade

http://i.olhares.com/data/big/221/2216138.jpg 
Meditação altera estrutura do cérebro em oito semanas

Este estudo reforça resultados de pesquisas anteriores ao eliminar outros efeitos e documentar que as diferenças foram efetivamente produzidas pela meditação.[Imagem: Sara Lazar]

Massa cinzenta
Dois meses de prática de meditação são suficientes para gerar mudanças mensuráveis nas regiões do cérebro associadas à memória, ao sentido de si mesmo, à empatia e ao estresse.
Em um estudo que será publicado na revista Psychiatry Research, uma equipe liderada por cientistas do Hospital Geral de Massachusetts (MGH) relata os resultados deste que é o primeiro estudo a documentar alterações na massa cinzenta do cérebro produzidas pela meditação.
Os praticantes de meditação sempre afirmaram que, além da sensação de relaxamento e tranquilidade física, eles experimentam benefícios cognitivos e psicológicos de longa duração.
Os cientistas agora confirmaram essas alegações e demonstraram que elas estão associadas a alterações físicas reais no cérebro.
Meditação que altera o cérebro
Estudos anteriores de vários grupos encontraram diferenças estruturais entre os cérebros de praticantes de meditação experientes e de indivíduos sem história de meditação, sendo observado um espessamento do córtex cerebral em áreas associadas com a atenção e a integração emocional.
Este estudo reforça essas conclusões ao eliminar outros efeitos e documentar que tais diferenças foram efetivamente produzidas pela meditação.
O estudo usou imagens de ressonância magnética do cérebro dos participantes.
Os participantes relataram também redução do nível de estresse, que foram correlacionados com a diminuição da densidade da massa cinzenta na amígdala, que é conhecida por desempenhar um papel importante na ansiedade e no estresse, mas também na sociabilidade.
Plasticidade do cérebro
Por muito tempo os cientistas acreditaram ter "evidências" de que o cérebro era uma estrutura fixa, com um número de neurônios que só fazer decrescer ao longo da vida.
Hoje já é reconhecido não apenas que o cérebro é dotado de uma incrível plasticidade, mas também que mudanças no cérebro podem ser induzidas voluntariamente.
"É fascinante ver a plasticidade do cérebro e que, praticando a meditação, podemos desempenhar um papel ativo para mudar nosso cérebro e aumentar o nosso bem-estar e nossa qualidade de vida," diz Britta Hölzel, da Universidade de Giessen, na Alemanha, coautora do estudo.

Fonte: http://www.diariodasaude.com.br/news.php?article=meditacao-altera-estrutura-cerebro&id=6138&nl=sit

WikiFlora

http://www.flora.sa.gov.au/efsa/lucid/Solanaceae/Solanum%20species/key/Australian%20Solanum%20species/Media/Html/images/Solanum_dulcamara/dulcamara%20Thome%20wiki.jpg

Patentes, patentes...

Em seu segundo dia de visitas às instituições de ensino e pesquisa da cidade de Manaus (AM), o ministro da Ciência e Tecnologia, Aloizio Mercadante, teve a oportunidade de conhecer a Reserva Experimental Adolpho Ducke do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCT).
O local é um grande laboratório que tem como objetivo conhecer as potencialidades da região como a exploração sustentável de diversos frutos.
Na ocasião, Mercadante reforçou a necessidade de se instalar um escritório do Instituto Nacional de Propriedade Intelectual (Inpi) na Floresta Amazônica.
Para o ministro, o patenteamento da pesquisa precisa fazer parte do dia-a-dia dos cientistas.
Mais do que isso, por meio do registro, o Brasil tem condições de transformar estudos em recursos para mais investimentos.

"Precisamos entender que o comércio internacional hoje exige que a propriedade intelectual seja patenteada. Nós precisamos criar uma cultura entre os cientistas em patentear o conhecimento para que a gente possa ter royalties, ter recursos e fomentar a pesquisa no País", destacou.
Enciclopédia digital da biodiversidade
Além disso, ele propôs a criação de uma plataforma para registro de todos os dados botânicos produzidos no Brasil, inicialmente chamado de Wikiflora, na qual ofereceu apoio total com relação à estrutura de TI para a elaboração do projeto.
"Temos a necessidade de fazer a enciclopédia digital da biodiversidade da Amazônia. Precisamos conhecer melhor a nossa riqueza. Outro ponto que precisamos combater é a falta de recursos humanos. Sei que faltam profissionais de botânica para desenvolvimento de cursos de mestrado e de doutorado na região. Isso é carência que precisa ser resolvida", enfatizou.
Acompanhando do diretor do Inpa, Adalberto Luis Val, o ministro Mercadante conheceu o projeto da Grande Escala da Biosfera-Atmosfera na Amazônia (LBA).
Outros destaques foram as pesquisas que o Inpa desenvolve na área alimentícia. A pesquisadora do Instituto, Lúcia Yuyama, explicou sobre a potencialidade dos frutos amazônicos como cubiu e o camu-camu e exemplificou alguns produtos gerados a partir das pesquisas feitas no Instituto como a farinha de pupunha de grande potencial nutricional.
Identificação de plantas
O ministro recebeu um livro produzido por pesquisadores do Inpa intitulado "Flora da Reserva Ducke - Guia de identificação das plantas vasculares de uma floresta de terra-firme na Amazônia central". O coordenador do programa de pós-graduação em Botânica (PPG-BOT), Alberto Vicentini, explicou para o ministro a carência de estudos na área de botânica na Amazônia e o quanto se conhece pouco sobre a região.
O gerente- executivo do LBA e pesquisador do Inpa, Antonio Manzi, apresentou o projeto LBA que tem a finalidade conhecer sobre o funcionamento da atmosfera da região.
Para a pesquisa será instalada uma torre de 320 metros, a primeira desse tipo na América do Sul, instalada na Reserva de Desenvolvimento Sustentável (RDS) do Uatumã, no município de São Sebastião do Uatumã, interior do Amazonas.
É um projeto bilateral entre Brasil, representado pelo Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (Inpa/MCT) e Universidade do Estado do Amazonas (UEA), e da Alemanha, através do Instituto Max Planck de Química.

Consultorias...

http://www.webmae.com.br/ecommerce_site/arquivos4105/arquivos/1234290216.jpg

Duas pulgas estavam conversando e então uma comentou com a outra:

- Sabe qual é o nosso problema? Nós não voamos, só sabemos saltar.
Daí nossa chance de sobrevivência quando somos percebidas pelo
cachorro é zero. É por isso que existem muito mais moscas do que
pulgas.

Elas então contrataram uma mosca como consultora, entraram num
programa de reengenharia de vôo e saíram voando.

Passado algum tempo, a primeira pulga falou para a outra:

- Quer saber? Voar não é o suficiente, porque ficamos grudadas ao
corpo do cachorro e nosso tempo de reação é bem menor do que a
velocidade da coçada dele.

Temos de aprender a fazer como as abelhas, que sugam o néctar e
levantam vôo rapidamente.

Elas então contrataram o serviço de consultoria de uma abelha, que
lhes ensinou a técnica do chega-suga-voa. Funcionou, mas não
resolveu...

A primeira pulga explicou porquê:

- Nossa bolsa para armazenar sangue é pequena, por isso temos de ficar
muito tempo sugando. Escapar, a gente até escapa, mas não estamos nos
alimentando direito. Temos de aprender como os pernilongos fazem para
se alimentar com aquela rapidez.

E então um pernilongo lhes prestou uma consultoria para incrementar o
tamanho do abdômen. Resolvido, mas por poucos minutos.
... Como tinham ficado maiores, a aproximação delas era facilmente
percebida pelo cachorro, e elas eram espantadas antes mesmo de pousar.
Foi aí que encontraram uma saltitante pulguinha, que lhes perguntou:

- Ué, vocês estão enormes! Fizeram plástica?

- Não, reengenharia. Agora somos pulgas adaptadas aos desafios do
século XXI. Voamos, picamos e podemos armazenar mais alimento.

- E por que é que estão com cara de famintas?

- Isso é temporário. Já estamos fazendo consultoria com um morcego,
que vai nos ensinar a técnica do radar. E você?

- Ah, eu vou bem, obrigada. Forte e sadia.

Mas as pulgonas não quiseram dar a pata a torcer, e perguntaram à
pulguinha: - Mas você não está preocupada com o futuro?

Não pensou em uma reengenharia?

- Quem disse que não? Contratei uma lesma como consultora.

- Mas o que as lesmas têm a ver com pulgas. quiseram saber as pulgonas...

- Tudo. Eu tinha o mesmo problema que vocês duas. Mas, em vez de dizer
para a lesma o que eu queria, deixei que ela avaliasse a situação e me
sugerisse a melhor solução. E ela passou três dias ali, quietinha, só
observando o cachorro e então ela me disse:

"Não mude nada. Apenas sente na nuca do cachorro. É o único lugar que
a pata dele não alcança".

MORAL DA HISTÓRIA:
Você não precisa de uma reengenharia radical para ser mais eficiente.
Muitas vezes, a GRANDE MUDANÇA é uma simples questão de
reposicionamento.
Por Max Gehringer

28 de jan de 2011

Veia Social

Bikes Modern Design For The Future















2011 - Ano do Coelho

        


O Coelho ( 卯 ) é um dos animais do ciclo de 12 anos que aparece no Zodíaco da Astrologia chinesa e no Calendário chinês.


Simples, afetuosos, atraentes para o sexo oposto, talentosos e ambiciosos. Realistas quanto às suas características, deixam o papel de líder para o mais forte. Tradicionalmente associado à boa visão e um excelente juiz de caráter, com um instinto para reconhecer a sinceridade nos outros e uma habilidade quase paranormal em detectar falsidade. Nos relacionamentos pessoais, mesmo as fraudes mais inocentes serão identificadas quase que no momento em que forem perpetradas.


Metal: esforçados, ambiciosos, bons planejadores, adoram ajudar os outros, confiantes; devem relaxar para evitar um colapso nervoso.
Madeira: gentis, bondosos, menos ambiciosos, amantes da paz e da natureza, devem desenvolver seu lado artístico para chegar ao sucesso.
Água: carentes de ambição, contentes consigo mesmos, tendem a escapar da realidade se as coisas não correm de acordo com seus desejos.
Fogo: passionais, sociáveis, têm sempre um sorriso no rosto; não são bons de planejamento.
Terra: pacifistas, esforçados, realistas e sem ambição.


Fonte : http://pt.wikipedia.org/wiki/Coelho_(zod%C3%ADaco)


================================================


O Ano Novo Chinês: Usos e Costumes


:: Teresa Kam Teng ::


Na China, há um dito popular que diz: Todos os planejamentos do ano se fazem na primavera, pois a chegada do Ano Novo coincide com o início da primavera lá, sempre no final de janeiro ou início de fevereiro. Não existe uma data certa, como aqui no ocidente, porque o calendário chinês é baseado no ciclo lunar.


Na véspera do Ano Novo as pessoas fazem limpezas gerais: limpam e arrumam a casa, cortam o cabelo, fecham as contas, colocam oferendas aos Deuses que cuidam da casa, preparam as roupas...


A cor vermelha, por ser yang e vibrante é a cor predominante durante as comemorações do Ano Novo. As mulheres da família procuram usar um vestido novo nesta cor para assegurar a sorte e um bom ano. Além desta cor, outras cores da sorte são o amarelo e o roxo.


No último jantar do ano a família se reúne para a refeição do fechamento do ciclo anual. São feitos pratos especiais para trazer todo o tipo de sorte e felicidade. Não podem faltar os bolinhos em forma de lingotes de ouro; o peixe que representa o dinheiro; as tangerinas, também chamadas de laranjas da sorte; o prato feito com arroz moti representando a prosperidade e o talharim (macarrão) que representa vida longa, muito usado em aniversários. Todas as frutas e doces são servidos em bandejas ou embalagens vermelhas.
A refeição é feita em uma mesa circular para favorecer o relacionamento e a união dos membros da família. As pessoas procuram perdoar as ofensas, esquecer as diferenças e evitar os maus pensamentos. Tudo é comemorado com muita alegria e fartura para trazer muita sorte e felicidade.


Durante a comemoração, lanternas vermelhas são acesas e penduradas diante da porta principal, e só serão retiradas após os 15 dias do Ano Novo. Fogos de artifício são estourados para espantar os maus espíritos.


No primeiro dia do ano é muito comum as crianças e os solteiros da casa ganharem um envelope vermelho contendo dinheiro. Este envelope é distribuído pela matriarca da casa (avó ou bisavó) com propósitos auspiciosos.


Um outro costume é colocar desejos escritos com tinta preta em tiras de papel vermelho na porta de entrada. O preto representa a água e a sabedoria; e o vermelho, o fogo e o sucesso. Segundo o dito popular Quando um pingo de água cai sobre o fogo, acontece uma ebulição; e é por ebulição que todas as coisas acontecem. Os desejos devem ser escritos por criativos e competentes calígrafos, de forma poética e metafórica para poder trazer sorte e realização.
Uma forma variada deste costume é o Espalhar da Primavera onde as pessoas escrevem em um papel vermelho com uma letra bem bonita o seu pedido sincero e de boas intenções. Este pedido deve sempre visar o bem, não pode ser egoísta e nunca visar prejudicar alguém. Depois de mentalizar o pedido realizado, o papel é pendurado na janela ou porta, com uma linha ou fita vermelha, para que os ventos possam levar e trazer o pedido.


Como se vê, os costumes podem ser diferentes, mas as intenções são sempre as mesmas.


Feliz Ano Novo Chinês!


Fonte: http://somostodosum.ig.com.br/conteudo/conteudo.asp?id=04279

26 de jan de 2011

Divulgue seu Blog no Facebook

http://img.bitpixels.com/getthumbnail?code=78793&size=200&url=http://riwersun.blogspot.comhttp://lh4.ggpht.com/_XibsBbZTGuE/S-dKnQILmBI/AAAAAAAACQc/hwvSpdV8vUs/Facebook200_thumb%5B2%5D.jpg?imgmax=800


Segundo informações publicadas pela Folha Online , o Facebook está hoje entre as 3 redes sociais mais utilizadas no país, juntamente com o Orkut e o Twitter. Por isso, trata-se de outro local interessante para você divulgar os artigos que você escreve em seu blog. Mesmo que você não seja um usuário regular do serviço, a possibilidade de publicar automaticamente uma chamada para seus artigos não deve ser desprezada.
Quem faz isso é o aplicativo Networked Blogs. Nele, você consegue adicionar os seus blogs ao Facebook e publicar automaticamente em seu mural as novas notícias que você escreve.

Leia mais... http://www.gerenciandoblog.com.br/2010/05/divulgando-seu-blog-no-facebook.html

Refrigerante de maconha

Garrafas do refrigerante de maconha que serão vendidas a partir de fevereiro nos EUA

Um refrigerante de maconha, o "Canna Cola", estará nas lojas do Estado americano de Colorado em fevereiro. Cada garrafa custará entre US$ 10 e US$ 15 e terá entre 35 e 65 miligramas de THC (tetrahidrocanabinol), o principal ingrediente psicoativo do cannabis, o gênero botânico utilizado para produzir haxixe e maconha.
As informações foram publicadas na revista americana "Time".
São 15 os Estados americanos onde o uso da maconha para fins medicinais é legal. No entanto, as condições para sua legalidade mudam de um lugar para o outro, e maconha, independentemente do propósito, continua sendo ilegal pelas leis federais.
Há um projeto de lei no Congresso assinado pela senadora Dianne Feinstein, conhecido como "Brownie Law", aprovado pelo Senado no ano passado. A proposta é aumentar as penas para os que fazem produtos que misturem maconha com "algo doce".
O criador do "Canna Cola" é o empresário Clay Butler, que assegura que nunca fumou maconha e que elaborou a bebida por "acreditar que os adultos têm o direito de pensar, comer, fumar, ingerir ou vestir o que quiserem", disse em entrevista à publicação "Santa Cruz Sentinel".
Além do sabor de cola, serão lançados, ao mesmo tempo, o de limão chamado "Sour Diesel", o de uva de nome "Grape Ape", o de laranja "Orange Kush" e, por fim, o inspirado na popular bebida Dr. Pepper, o "Doc Weed".
De acordo com Scott Riddell, criador da empresa que comercializará a bebida, os níveis de THC em "Canna Cola" serão menores que os de outras bebidas do mesmo tipo que já estão no mercado. O efeito no organismo é similar ao de uma "cerveja suave".

As 7 leis do dinheiro

 



Eu Maior

                http://api.ning.com/files/uhqdjfl-SxieDRUAwnjF0nKngEMrwdAGp6yg8ekaeWOdExI8Ea7fB-jQ4KIt938gbftpJAHy4kxGBNT7n6WNg79lm2uf4BgK/EUMAIOR.PNG?width=721




EU MAIOR traz uma reflexão contemporânea sobre autoconhecimento e busca da felicidade, por meio de entrevistas com expoentes de diferentes áreas, incluindo líderes espirituais, intelectuais, artistas e esportistas. Um filme sobre questões essenciais e universais, numa época de grandes transformações e desafios, que pedem níveis mais altos de discernimento e consciência individual.


Com duração prevista de 100 minutos, EU MAIOR está em fase de produção. O lançamento, em 2011, se dará progressivamente em cinema, tv, dvd e internet - onde a veiculação será gratuíta. No site www.eumaior.com.br você poderá saber mais sobre o documentário, assistir a trechos das entrevistas que já foram gravadas, e juntar-se às pessoas e instituições que estão apoiando este projeto inovador.

O cordel do BBB


 http://3.bp.blogspot.com/_a9Lfh9CNWvU/S1AngXnL0eI/AAAAAAAABYM/oLOkuMa11VY/s400/bbb.jpg


BIG BROTHER BRASIL


Curtir o Pedro Bial
E sentir tanta alegria
É sinal de que você
O mau-gosto aprecia
Dá valor ao que é banal
É preguiçoso mental
E adora baixaria.
 

Há muito tempo não vejo
Um programa tão ‘fuleiro’
Produzido pela Globo
Visando Ibope e dinheiro
Que além de
alienar

Vai por certo atrofiar
A mente do brasileiro.
 

Me refiro ao brasileiro
Que está em formação
E precisa evoluir
Através da Educação
Mas se torna um refém
Iletrado, ‘zé-ninguém’
Um escravo da ilusão.
 

Em frente à televisão
Lá está toda a família
Longe da realidade
Onde a bobagem fervilha
Não sabendo essa gente
Desprovida e inocente
Desta enorme ‘armadilha’.

Cuidado, Pedro Bial
Chega de esculhambação
Respeite o
trabalhador

Dessa sofrida Nação
Deixe de chamar de heróis
Essas girls e esses boys
Que têm cara de bundão.
 

O seu pai e a sua mãe,
Querido Pedro Bial,
São verdadeiros heróis
E merecem nosso aval
Pois tiveram que lutar
Pra manter e te educar
Com esforço especial.
 

Muitos já se sentem mal
Com seu discurso vazio.
Pessoas inteligentes
Se enchem de calafrio
Porque quando você fala
A sua palavra é bala
A ferir o nosso brio.


Um país como Brasil
Carente de educação
Precisa de gente grande
Para dar boa lição
Mas você na rede Globo
Faz esse papel de bobo
Enganando a Nação.
 

Respeite, Pedro Bial
Nosso povo brasileiro
Que acorda de madrugada
E trabalha o dia inteiro
Dar muito duro, anda rouco
Paga impostos, ganha pouco:
Povo HERÓI,
povo guerreiro.

 

Enquanto a sociedade
Neste momento atual
Se preocupa com a crise
Econômica e social
Você precisa entender
Que queremos aprender
Algo sério – não banal.
 

Esse programa da Globo
Vem nos mostrar sem engano
Que tudo que ali ocorre
Parece um zoológico humano
Onde impera a esperteza
A malandragem, a baixeza:
Um cenário sub-humano.
 

A moral e a inteligência
Não são mais valorizadas.
Os “heróis” protagonizam
Um mundo de palhaçadas
Sem critério e sem ética
Em que vaidade e estética
São muito mais que louvadas.
 

Não se vê força poética
Nem projeto educativo.
Um mar de vulgaridade
Já tornou-se
imperativo.

O que se vê realmente
É um programa deprimente
Sem nenhum objetivo.
 

Talvez haja objetivo
“professor”, Pedro Bial
O que vocês estão querendo
É injetar o banal
Deseducando o Brasil
Nesse Big Brother vil
De lavagem cerebral.
 

Isso é um desserviço
Mal exemplo à juventude
Que precisa de esperança
Educação e atitude
Porém a mediocridade
Unida à banalidade
Faz com que ninguém estude.
 

É grande o constrangimento
De pessoas
confinadas

Num espaço luxuoso
Curtindo todas baladas:
Corpos “belos” na piscina
A gastar adrenalina:
Nesse mar de palhaçadas.
 

Se a intenção da Globo
É de nos “emburrecer”
Deixando o povo demente
Refém do seu poder:
Pois saiba que há exceção
(Amantes da educação)
Vai contestar a valer.
 

A você, Pedro Bial
Um mercador da ilusão
Junto a poderosa Globo
Que conduz nossa Nação
Eu lhe peço esse favor:
Reflita no seu labor
E escute seu
coração.

 

E vocês caros irmãos
Que estão nessa cegueira
Não façam mais ligações
Apoiando essa besteira.
Não deem sua grana à Globo
Isso é papel de bobo:
Fujam dessa baboseira.
 

E quando chegar ao fim
Desse Big Brother vil
Que em nada contribui
Para o povo varonil
Ninguém vai sentir saudade:
Quem lucra é a sociedade
Do nosso querido Brasil.
 

E saiba, caro leitor
Que nós somos os culpados
Porque sai do nosso bolso
Esses milhões desejados
Que
são ligações diárias

Bastante desnecessárias
Pra esses desocupados.
 

A loja do BBB
Vendendo só porcaria
Enganando muita gente
Que logo se contagia
Com tanta futilidade
Um mar de vulgaridade
Que nunca terá valia.
 

Chega de vulgaridade
E apelo sexual.
Não somos só futebol,
baixaria e carnaval.
Queremos Educação
E também evolução
No mundo espiritual.
 

Cadê a cidadania
Dos nossos educadores
Dos alunos, dos políticos
Poetas, trabalhadores?
Seremos sempre enganados
e vamos ficar calados
diante de enganadores?


Barreto termina assim
Alertando ao Bial:
Reveja logo esse equívoco
Reaja à força do mal…
Eleve o seu coração
Tomando uma decisão
Ou então: siga, animal…

 
FIM

Autor: Antonio Barreto,
Cordelista
natural de Santa Bárbara-BA,residente em Salvador.

Salvador, 16 de janeiro de 2010

25 de jan de 2011

Um Texto e um Outro

http://2.bp.blogspot.com/_Mfk_iKhQ4yE/SbVR-WZpBuI/AAAAAAAAAGc/YfX-xqm25iA/s1600/volta+as+aulas.JPG
Antonio Carlos Carrera de Souza, IB/UNESP/RC
Alayde Maria Pinto Digiovanni, Unicentro
Carlos Roberto Vianna, UFPR



Resumo  
 
Este é um exercício de linguagem que se constitui como um movimento transversal à Educação Matemática e à História Oral. Abordam-se temas como “verdade”, “vontade de poder”, “vontade de saber”, argumentando pela impossibilidade de uma teoria sozinha, qualquer que seja ela, dar conta de explicar ou apontar verdades históricas encadeadas. Pretende-se a desconcertação do discurso histórico. Algumas noções deleuzianas são mobilizadas, de modo que a ideia de História toma a forma de uma História Oral nômade, sem fronteiras ou margens. Isso se dá contra certa ciência considerada régia, estatal, oficial e verdadeira. A partir das noções de rizomas e máquina de guerra nômades, discute-se a noção de acontecimento e acontecimento histórico. Citando e analisando, por dentro, nas vísceras, olhando entranhas nuas e sangrentas das várias teorias, este artigo foi tecido como uma crítica à sociedade que inventou “origens” para tudo, obrigando a história dos homens ao longo exercício metafísico de negar sempre as evidências humanas, emotivas e sensuais.

Texto completo: PDF

Flat branco

  1. Белая квартира
  2. Белая квартира
  3. Белая квартира
  4. Белая квартира
  5. Белая квартира
  6. Белая квартира
  7. Белая квартира
  8. Белая квартира
  9. Белая квартира
  10. Белая квартира
  11. Белая квартира
  12. Белая квартира

Compartilhar